Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Ditadura’

Essa poça escura

Caem as figuras
As imagens morrem
Finam estruturas
Os segundos correm

Chegam novos tempos
para o nosso mundo
Mas alguns pretendem
retornar ao fundo

Essa poça escura
Essa vida dura
Povos silenciados
Sonhos acabados

Pai assassinado
Filho passeado
Uma afogadura
Uma ditadura

Publicado originalmente em Março de 2005

Read Full Post »

Algo sem nome

Respira-se o silêncio da rua
Vê-se o valeiro do ar

Não ouço rem
Não há ninguém
mas a rua está cheia

Algo impede falar
Algo sem nome
Algo sem rosto
Algo sem corpo

Tem todos ameaçados
todos engaiolados

Começa a falar uma voz
Todos escuitam, temerosos

Alguém alça-se contra a voz
e os outros acabam com ele

Não entendo rem

As mentes não são livres
Os povos são escravos

Mas chegará
Chegará o dia
em que os povos serão livres

Publicado originalmente em Novembro de 2004

Read Full Post »

A besta

Já passou o tempo, meu rei
Lembras, quando o pesadelo vivia?
Lembras o inferno que era cada dia?
Quando vivíamos sempre com covardia?
Lembras quando não podíamos nem falar?
Lembras a aventura que era caminhar
polas ruas da tua vila?

A besta está bem morta
Já passou o tempo, meu rei
Mas ainda não somos livres

Ainda falta caminho por percorrer
Ainda fica muito por fazer
Ainda restam pesadelos por morrer

Só quero esquecer
Mas não podo

Não podo esquecer o meu passado
Não podo ignorar o meu presente
Senão, levarão-me as correntes
Dos tempos ainda não chegados

Olha no horizonte
Onde estão os teus sonhos

Para os poderes acadar
Ainda resta muito por viajar

Não esqueças nunca

Publicado originalmente em Novembro de 2004

Read Full Post »